Sasaki, tudo bem?Duas dúvidas:1) Apesar de estar começando a entender a movimentação do mercado, não



  • Sasaki, tudo bem?

    Duas dúvidas:

    1) Apesar de estar começando a entender a movimentação do mercado, não me ficou claro os pontos de entrada e saída pura e simplesmente pelo TR. Nos pontos citados (31,28 // 31,30 // 31,32), os níveis de suporte x resistência ficaram muito mais claros pela análise gráfica. Poderia esclarecer melhor o que define os gatilhos pela leitura do fluxo?

    2) As operações que você citou buscavam resultados curtos, de dois pontos no máximo. Podemos usar o TR para trades mais longos (intraday de 15/20 min, por exemplo), ou, por característica, ele é mais voltado para operações rápidas.

     

     



  • Vou começar respnendo a segunda pergunta...

    Quando lidamos com a leitura de fluxo para contratos futuros, tenha em mente que a atuação dos players tem duração curta e pontual (poucos minutos), e operações mais longas são viáveis apenas no mercado der ações. Adentrando a questão, imagine que um player precisa executar uma posição de US$50 milhões (equivalente a 1.000 contratos do dólar padrão). Bastam 5 minutos de atuação para executar esses mil contratos no dólar, mas se fosse no mercado de ações esse volume financeiro poderia demorar dias para ser liquidado. Por isso, a ideia de usar o tape reding puro se adequa melhor para o scalping no caso dos futuros financeiros. Neste caso, se quiser esticar a operação, recomendo unir análise grafica ao fluxo.

    Agora, sobre a definição de pontos por fluxo no dólar...

    Eu, particularmente, acho que o tape reading deva ser uma técnica complementar para melhorar o timing de entrada (no caso de contratos futuros de índice e dólar), mas a referência do ponto, especificamente, pode ser obetido através do gráfico. Claro que, se você perguntar para o Leo, que opera somente por fluxo, ele terá referências unicamente através do fluxo. Mas, de modo geral, a identificação de um ponto, se dá através de um "momento" cujas condições sejam favoráveis (exemplo, um lote escondido no book; a entrada subta de um comprador/vendedor; absorção de lotes agredidos etc). Por isso eu digo que o gráfico é como olhar uma fotografia e o fluxo é como analisar um filme em movimento, pois o que pode ser um ponto interessante, após 15 minutos já não tem mais a mesma validade (entuanto no grafico, um suporte/resistência se mantém até que ele seja rompido ou tenha se passado muito tempo desde que ele foi formado).



  • Vou começar respnendo a segunda pergunta...

    Quando lidamos com a leitura de fluxo para contratos futuros, tenha em mente que a atuação dos players tem duração curta e pontual (poucos minutos), e operações mais longas são viáveis apenas no mercado der ações. Adentrando a questão, imagine que um player precisa executar uma posição de US$50 milhões (equivalente a 1.000 contratos do dólar padrão). Bastam 5 minutos de atuação para executar esses mil contratos no dólar, mas se fosse no mercado de ações esse volume financeiro poderia demorar dias para ser liquidado. Por isso, a ideia de usar o tape reding puro se adequa melhor para o scalping no caso dos futuros financeiros. Neste caso, se quiser esticar a operação, recomendo unir análise grafica ao fluxo.

    Agora, sobre a definição de pontos por fluxo no dólar...

    Eu, particularmente, acho que o tape reading deva ser uma técnica complementar para melhorar o timing de entrada (no caso de contratos futuros de índice e dólar), mas a referência do ponto, especificamente, pode ser obetido através do gráfico. Claro que, se você perguntar para o Leo, que opera somente por fluxo, ele terá referências unicamente através do fluxo. Mas, de modo geral, a identificação de um ponto, se dá através de um "momento" cujas condições sejam favoráveis (exemplo, um lote escondido no book; a entrada subta de um comprador/vendedor; absorção de lotes agredidos etc). Por isso eu digo que o gráfico é como olhar uma fotografia e o fluxo é como analisar um filme em movimento, pois o que pode ser um ponto interessante, após 15 minutos já não tem mais a mesma validade (entuanto no grafico, um suporte/resistência se mantém até que ele seja rompido ou tenha se passado muito tempo desde que ele foi formado).




O Portal do Trader não se responsabiliza pelas informações e opiniões veiculadas neste fórum, sendo elas de autoria individual de cada participante. Vale ainda ressaltar que investimentos em mercado de renda variável possuem riscos, ganhos passados não garantem ganhos futuros, e a decisão final e responsabilidade sobre cada operação é de cada investidor, devendo ser tomada individualmente.
© 2018 Portal do Trader. Todos os direitos reservados.